Utilizamos cookies de terceiros que analizam a navegação no nosso site. Se continuar a navegação estará a aceitar o seu uso. Pode obter mais informação da nossa política de cookies. Ver política de cookies

Atualidade

O Instituto Português da Qualidade publica um documento para uma correcta gestão dos sistemas de água sanitária

A comissão Setorial para a Água (CS/04), do Sistema Português da Qualidade, acaba de publicar o documento “Identificação de perigos e eventos perigosos em redes prediais de água para consumo humano” , onde é realizada uma revisão exaustiva de todos os aspectos que afetam este tipo de instalações.

Identificação de perigos e eventos perigosos em redes prediais de água para consumo humano

Pretende transmitir conceitos que possibilitam a gestão adequada dos sistemas de água sanitária, com especial atenção para os requisitos regulamentares e normativos aplicáveis.

Além disso, tem como finalidade ser um recurso útil para todas as partes intervenientes no projeto, construção, operação, manutenção e gestão deste tipo de sistemas.

 

Âmbito da atual normativa sobre a gestão dos sistemas de água para consumo humano e recomendações

O primeiro capítulo centra-se na normativa portuguesa atual para este tipo de instalações: ligação à rede pública de abastecimento, instalação e manutenção deste tipo de instalação, entidades gestoras, qualidade da água para consumo humano, etc. e é realizado um resumo dos aspectos que a legislação atual não inclui.

perigos e eventos perigosos em redes prediais de água para consumo humano

Nos capítulos seguintes descrevem-se os requisitos recomendados para projetos deste tipo de instalações, tendo em consideração a utilização das diferentes partes que a compõem, fornecendo diretrizes e recomendações para poder executar um bom projeto das mesmas.

Noutra parte do documento são revistos os possíveis materiais e produtos passíveis de serem utilizados neste tipo de instalações, como por exemplo materiais metálicos, poliméricos, fibras, colas, e descrevem-se as suas características, recomendando onde podem ser utilizados.


Perigos e riscos de uma gestão incorreta deste tipo de instalações

Também existe todo um capítulo sobre os perigos e riscos associados a este tipo de redes, identificando e descrevendo as possíveis situações de risco.

Um mau projeto de uma instalação e/ou uma gestão incorrecta da mesma, pode levar a alterações na qualidade da água, promovendo possíveis problemas de saúde para as pessoas.

problemas de saúde para as pessoas

Requer-se especial cuidado em edifícios com redes de água sanitárias complexas e extensas, como hospitais, escolas, hotéis, centros desportivos, entre outros.

A deficiente qualidade da água em alguns edifícios pode dever-se a fenómenos de contaminação microbiológica, química ou física. E especificamente, por exemplo, em falhas na rede de água, migração de elementos ou substâncias inadequadas ou à corrosão.


Como implementar uma boa gestão do sistema de água para consumo humano?

Para ter um controlo correto e manter sempre uma instalação em bom estado, é necessário contar com uma equipa qualificada que garanta um conhecimento profundo deste tipo de instalações.

A Adiquímica disponibiliza o seu amplo conhecimento sobre o tratamento de águas para consumo humano.


Se tiver dúvidas ou precisar de aconselhamento sobre este assunto, contacte-nos

Estamos à sua disposição para o que necessitar.

 

Ver mais notícias
Notícias destacadas

Com o nosso novo produto ADIC 513-SA, podes cumprir a normativa europeia de biocidas para a desinfecção de redes e depósitos de água potável.

A normativa europeia sobre biocidas estabelece que, para a desinfecção de redes e depósitos de água potável, a partir de 1 de janeiro de 2019, não é permitida a utilização de produtos da família dos hipocloritos que...

Ler mais

O Instituto Português da Qualidade publica um documento para uma correcta gestão dos sistemas de água sanitária

A comissão Setorial para a Água (CS/04), do Sistema Português da Qualidade, acaba de publicar o documento “

Ler mais

Reafirmamos o nosso apoio aos Dez Princípios do Pacto Global das Nações Unidas

Desde Junho de 2014, a Adiquímica faz parte da Iniciativa do Pacto Global das Nações Unidas sobre os Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e combate contra a corrupção. Acabámos de renovar o nosso compromisso...

Ler mais